Seguidores

Translate

quinta-feira, 25 de julho de 2013

Devassar


Poema de José Maria Souza Costa.



    O meu gostar é o teu querer, te acompanhar, te atrair
         De fazer acontecer, te agarrar e seduzir você.
                       Te induzir, distrair, e ficar, fugir do reluzir
                     Da imaginação e devassar o teu Ser.

      O meu gostar, é para EU te querer. Por um triz
            Te acolher junto a mim, te envolver na tua sua.
          Te abraçar em meus braços, e te fazer feliz
 Extravasada em leito, sobre o meu peito, à gozo nua.

Curvas cálidas, atormentando lençóis frios em camas luzídia.
           Lúdicos e regojizo em noites de aliciamentos.
                  Gostos, ávidos, devaneios seguidos no dia a dia
              E uma pulsação constante, em batimentos.


44 comentários:

Cidália Ferreira disse...

Bom dia..
Gostei de ler

Abraço

http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

Daniel Costa disse...

José Maria

A demonstração maior do gostar de alguém, é o aliciamento pela felicidade que lhe proporcionamos.

Abraços

Ricardo- águialivre disse...

Boa tarde

Poema mais bem feito, que gostei muito de ler.

Abraço

Mona Lisa disse...

Belo e intenso poema de amor.

Beijinhos.

Laura Santos disse...

José Maria, adoro a sua poesia!
Aqui está um poema sedutor, de tirar o fôlego, cheio de amor e da pulsão física de tanto batimento arrebatador e lençóis postos em tormento.
Tudo o que o desejo pede.
Gostei muito.

Dorli disse...

Oi José Maria
UAU! Essa poesia é de tirar o fôlego. Não tem dó de mim?
Linda e sensual poesia
Beijos
Lua Singular

Dilmar Gomes disse...

Exclente teu poema. Um abraço. Tenhas um bom dia.

Nádia Santos disse...

Nossa, quanta sensualidade, quanta vontade e desejos...hummm... bom demais! Vou saindo daqui com um calor....(rsrsrsr), Bjus José, adorei ler.

Crista disse...

Zozézinho,Zozézinho...assim tu me deixas LOUCA!!!!Mesmo com esse frio, eu arrepiei todinha,mas não foi de frio!!!!!O calor foi tanto que arranquei minhas roupinhas e me joguei nos lençóis de seda...mas daí pensei:Não posso me DAR,pois sou uma quase virgem...e Zozézinho não vai casar comigo!!!!Me enrrrrrrrosquei nos lençóis,fechei meus olhinhos azuis como a cor do céu e me imaginei em teus braços...e quem diz que consegui dormir????Ahhhhhhhhhh...Zozézinho...amo o teu carinho e um dia vou te amassar todinho!!!!
ADOREI teu presente...agora não dá mais para te largar...vou ser teu grude para o resto da vida!
Bejão,daqueles com batonzinho BOKA LOKA,da cor do pecado...deixando um rastro em tu,meu tatuzinho!!!!

Ives disse...

Batimentos maravilhosos, pulsações de vida, ápice! abração

Dany (Toka Brasil) disse...

Lindo de ler. É de encher o espírito!
Boa quinta pra vc.
http://blogtokabrasil.blogspot.com.br/

Adenildo Bezerra disse...

Bom demais. Abraços e saudações ararienses!

Ivone disse...

José Maria, bem inspirados seus versos de amor, ah o amor!
Lindo pema sensual!!!
Abraços meu amigo poeta!

Samuel Balbinot disse...

Boa noite José maria.. poesia bem cálida realmente.. poesias assim que fazem a alma ferver.. tenha um lindo dia abração meu amigo de versos

Vera Lúcia disse...



Sedutoramente belo.

Poema envolvente.

Abraço.


Lu Cidreira disse...

De onde menos se espera é de onde sai. E saiu com uma maestria inigualável, poemas desse tipo é realmente de deixar o mais frio homem em riste e procurar sus alcova para se aninhar, e, com sua companhia.
Abraço José.

Arnaldo Leles disse...

Passei
e gostei!
Abraço!

Irma disse...

Hyvä runo kiitos.Terveisiä. Halit:)

Nequéren Reis disse...

Olá!!!, Deus te abençoe, Amigas estou convidando você para um concurso no meu blog e da Loja TPM de ofertas, texto lindo amei, blog maravilhoso sucesso, já estou te seguindo, Aguardando Retribuição.
Blog: http://arrasandonobatomvermelho.blogspot.com.br/

Tramos Romero disse...

Gracias por enseñarme tu fantastico blog, con tu permiso aqui me quedo, aprendiendo y compartiendo, siendo amigos en nuestra aficcion...

Saludos y besos ♥♥♥

Tramos Romero disse...

Gracias por enseñarme tu fantastico blog, con tu permiso aqui me quedo, aprendiendo y compartiendo, siendo amigos en nuestra aficcion...

Saludos y besos ♥♥♥

Rosemildo Sales Furtado disse...

Olá José Maria! Passando para te cumprimentar e apreciar mais uma das tuas belas criações.

Abraços e um bom dia pra ti e para os teus.

Furtado.

Antonio Pereira Apon disse...

Muito bom! um belo e inspirado "pequeno" grande poema.

Um grande abraço e bom fim de semana.

Nela disse...

Todo un placer, haber llegado hasta aquí y, conocer tu blog.
Ya tienes una nueva seguidora.
Un beso
Nela

Maria Adeladia disse...

Bonito poema.Vc escreve com a voz do coração.Bjs e um bom fim de semana.

Hisae disse...

Un placer leer tus poemas, José María.

Helena Sacadura Cabral disse...

Zé Maria
Lindo, lindo. Mas meus batimentos jamais seriam constantes. Talvez, sim, galopantes!

Sonhadora (RosaMaria) disse...

Um poema de amor com a intensidade da paixão e sensualidade de cada palavra.

Um beijo
Sonhadora

Silvia M disse...

Ciao Josè Maria, ti ringrazio per essere passato dal mio blog a farmi visita e mi unisco ai tuoi lettori fissi con molto piacere!
A presto!

LUZ disse...

Oi, estimado Zé!

Que poema! Que "devassidão!

Você tem carta para conduzir (dirigir)? É que curvas, são perigosas, mas ao mesmo tempo, apetecíveis.

Use cinto de segurança, sempre.

Lindo e sensual, tudo o que você escreveu.

Está frio, 8º gruas, em Sampa. Virgem santíssima. Você está "delirando" de frio, não de calor.

Nosso Papa tem estado em festa, na festa, aí, com pequenas manchinhas, que ele já entendeu.
O tempo atmosférico não tem ajudado, mesmo nada. Há 40 anos, mais ou menos, que em S. Paulo, não chovia tanto.
Ele tem capacidade e estofo para entender esses pequenos contratempos.

Bom fim semana.

Um abraço, bem português, da Luz.

Sú Guedes disse...

Olá!
José Maria
Obrigada! pela visita ao meu blog, pelo carinho.
E por segui-lo.
Seu blog é muito bom.
Parabéns!
Eu amei!
Estou seguindo o seu também com os meus 2 blogs. e no facebook.
Que DEUS o abençoe.
Abraços
Sueli Guedes

Marli Terezinha Andrucho Boldori disse...

José Maria, seu poema me deu enlevo à alma.Tudo parece ser possível e, é.Pode-se dizer tudo em um poema, até falar da raiva sentida,mas você falou do amor,da paixão...Muito lindo.Grande abraço!

Antonella Miceli disse...

Hola Jose,
felicitaciones a estos versos, una belleza conmovedora!
Hermoso tu blog ... de ahora en adelante voy a seguirte también con gran placer!
Amistad y espiritualidad

¡Feliz domingo!

Un abrazo desde Italia

Antonella.

Cíntia Milanese disse...

Faz tempo que não venho aqui... grata surpresa. Você escreve com tanta paixão. Adoro! :)

Beatriz Bragança disse...

Caro poeta
Belo poema de amor realista!
Um ótimo domingo
Cumprimentos
Beatriz
Blog
Vida ePensamentos
http://pegadasdeanjo.blogspot.com

valeria fusco disse...

Eccomi, piacere di incrociarti in rete.

Maribel Diaz disse...

Precioso poema,
un saludito.

Claudia Magistro disse...

oh!bei componimenti
Cla

Folhas de outono disse...

Boa tarde José Maria.

As almas sentem-se devassadas por teu poema.

Abraços.

Alexandra Abarca disse...

Hola José María un gusto conocerte por medio del blog y bueno agradecerte tus palabras y espero que todo esté pura vida contigo.

Saludos y feliz semana.

Ale
Costa Rica

Alexandra Abarca disse...

Hola José María un gusto conocerte por medio del blog y bueno agradecerte tus palabras y espero que todo esté pura vida contigo.

Saludos y feliz semana.

Ale
Costa Rica

Thiago RioSul disse...

Olá amigo
Um belo poema com suas linhas mostrando todo um jogo de amor e isso sempre faz bem para quem curti verdadeiramente uma bela poesia
Estou mais uma vez oferecendo meu mosaico de parceiros


Abraços,
Trocyn Bão - Thiago

Rafael Belo disse...

Gostei meu caro. Bm ritmo

poesias maria do carmo disse...

Este é realmente um poema sedutor. José Maria arrasando com seus belos poemas,beijos de saudades.