Seguidores

Translate

sexta-feira, 8 de março de 2013

Mulher. Mulheres


    Texto de: José Maria Souza Costa.

    

O ano era de 1857, a data era 08 de março, quando operárias de uma fabrica de tecidos, em Nova Iorque - USA, levantaram-se em greve. Ocuparam todas as dependências, e, iniciaram um processo de reivindicações, entre elas:  a redução na jornada de trabalho.
Naquele tempo, elas trabalhavam 16 hora-dia, e, exigiam uma carga de 10 horas, e uma equiparação salarial igual à dos homens.
A manifestação foi reprimida com violência, elas foram trancafiadas dentro da fábrica, e com elas ali, encendiada.
A história berra, que, aproximadamente 130 tecelãs, morreram carbonizadas.
Mas, em 1910, durante uma Conferência na Dinamarca, ficou decidido que a data  08 de Março, passaria a ser o Dia Internacional da Mulher, em homenagem àquelas tecelãs, que foram carbonizadas em 1857. Mas, somente em 1975, através de um decreto, a data foi oficializada pela ONU ( Organização das Nações Unidas ).
A História, ao longo do tempo, não fecha as páginas ao reconhecimento para mulheres, que ajudaram a mudar a Humanidade. Personalidades como: Maria, Mãe de Jesus. Cleópatra, a última Rainha da Dinastia Ptolomaica. Joana D'arc. Rainha Vitória. Anita Garibaldi. Princesa Isabel. Marie Curie, cientista Polonesa. Madre Teresa de Calcutá. Irmã Dulce. Indira Gandhi, e tantas e tantas outras, que ao longo do tempo escrevem com dignidade e bravura, a História feminina.
Mas, voltemos o olhar para o dia de hoje.
Como são tratadas as nossas mulheres ?
 - Violentadas, estupradas em seus direitos, esquartejadas em seus desejos, ...enfim...
Responderia -te, qualquer um, que não esteja chegando de Marte ou Saturno, neste momento.
Bruno,  goleiro do Flamengo - equipe de futebol do Estado do Rio de Janeiro - teve um caso com a cidadã, Eliza Samudio, com ela, gerou uma criança, entendeu esse senhor, que devido a cama ter ficado pequena para os dois, patrocinou  a morte da mulher. Sequestrou-a, entregou a um policial que a estrangulou, esquartejou e atirou os restos da moça, para cães. Esta desgraça, aconteceu aqui, no Brasil. E, a justiça brasileira condenou este " pulha desclassificado" , apenas à 22 anos de cadeia. Um colosso, para esse assassino frio, calculista e cruel.
É uma data, em que, não sei se as mulheres tem alguma coisa à comemorar, ou as tem mesmo, é uma cartilha de reivindicações.  Elas continuam sendo descriminadas no Mercado de Trabalho. Continuam ganhando menos que os homens. Continuam com uma carga da trabalho superior aos dos homens.
São elas, que dedicam-se a maior parte do seu tempo, na educação dos filhos, muitas, são verdadeiras chefes de famílias, e mais, são as que menos embriagam-se, com uma desgraça, que chamamos de preconceito.
Para todas as mulheres do mundo, em especial para a dona Maria Sousa Costa, que encontra-se no andar de cima, o meu reconhecimento de dedicação e bravura. Abraços.
........................................................


Corría el año 1857, la fecha fue el 08 de marzo, cuando los trabajadores de una fábrica de telas en Nueva York - EE.UU., se levantó la huelga. Ocuparon todas las dependencias, e inició un proceso de reclamación, incluyendo:. Una reducción de las horas de trabajo
En ese tiempo, trabajaba 16 horas al día, y exigió una carga de 10 horas, y la paridad de salarios iguales a los hombres .
La manifestación fue reprimida violentamente, fueron encerrados en el interior de la fábrica, y con ellos allí, encendiada.
Berra la Historia, que, a unos 130 tejedores, murió carbonizada.
Pero en 1910, durante una conferencia en Dinamarca, se decidió que el fecha 8 de marzo, se convertiría en el Día Internacional de la Mujer, en honor a los tejedores que fueron quemados en 1857. Pero sólo en 1975, a través de un decreto, la fecha en que se hizo oficial por las Naciones Unidas (ONU).
La Historia, con el tiempo, no cierra las páginas para el reconocimiento de las mujeres que ayudaron a la humanidad el cambio. Personalidades como: María, Madre de Jesús. Cleopatra, la última Reina de la Dinastía Ptolemaica. Juana de Arco. Queen Victoria. Anita Garibaldi. Princesa Isabel. Marie Curie, científica polaca. Madre Teresa de Calcuta. Hermana Dulce. Indira Gandhi y tantos otros que con el tiempo escribir con dignidad y valentía, la historia de las mujeres
, pero echemos un vistazo a la jornada.
¿Cómo nuestras mujeres son tratadas?
 - Violada, violada en sus derechos, esquatejadas en sus deseos, ... bueno ...
Te respondería, cualquier persona que no viene de Marte o Saturno en este momento.
Bruno, portero del Flamengo - El equipo de fútbol en el estado de Río de Janeiro - tuvo un romance con el ciudadano, Eliza Samudio, con ella, el padre de un niño, usted entiende esto, porque han sido una pequeña cama para dos personas, patrocinado muerte de la mujer. Secuestrado ella, se la entregó a un oficial de policía que estranguló, descuartizado y arrojado los restos de la chica, para los perros. Esta desgracia ocurrió aquí en Brasil. Y la justicia brasileña condenó este "Creep descalificado", sólo a 22 años de prisión. Un coloso para este asesino frío, calculador y cruel.
Es una fecha, que no saben si las mujeres tienen algo que celebrar, o incluso tener, es una imprimación de las reclamaciones. Ellos siguen siendo discriminadas en el mercado laboral. Siguen ganando menos que los hombres. Continuar con una carga de trabajo más que los hombres.
Son ellos, que dedicó la mayor parte de su tiempo en la educación de los niños, muchos de ellos son los verdaderos jefes de familia, y más, son los que menos embriagram con una vergüenza que llamamos prejuicios.
A todas las mujeres del mundo, especialmente a la señorita Maria Sousa Costa, arriba miento, y mi reconocimiento a la dedicación y valentía.
Abrazos.

......................................................


The year was 1857, the date was March 08, when workers from a factory of fabrics in New York - USA, rose on strike. They occupied all dependencies, and initiated a claims process, including: a reduction in working hours.

At that time, they worked 16 hours day, and demanded a load of 10 hours, and wage parity equal to men .
A demonstration was violently repressed, they were locked up inside the factory, and with them there, encendiada.
Berra The story, which, about 130 weavers, died charred.
But in 1910, during a conference in Denmark, it was decided that the date March 8, would become the International Women's Day, in honor of those weavers who were charred in 1857.
But only in 1975, through a decree, the date was made official by the UN (United Nations).

History, over time, does not close the pages to recognition for women who helped change humanity. Personalities such as: Mary, Mother of Jesus. Cleopatra, the last queen of the Ptolemaic Dynasty. Joan of Arc. Queen Victoria. Anita Garibaldi. Princesa Isabel. Marie Curie, Polish scientist. Mother Teresa of Calcutta. Sister Dulce. Indira Gandhi, and so many others that over time write with dignity and bravery, the history of women.
But let us look to the day.
How our women are treated?
 - Raped, raped in their rights, esquatejadas in their desires, ... well ...
You would respond, anyone who is not coming from Mars or Saturn at this time.
Bruno, Flamengo goalkeeper - soccer team in the state of Rio de Janeiro - had an affair with the citizen, Eliza Samudio, with her, fathered a child, you understand this, because they have been a small bed for two, sponsored the woman's death. Kidnapped her, handed it to a police officer who strangled, quartered and tossed the remains of the girl, for dogs. This misfortune happened here in Brazil. And the Brazilian justice condemned this "creep disqualified," only to 22 years in prison. A colossus for this killer cold, calculating and cruel.
's a date, they do not know if women have something to celebrate, or even have, is a primer of claims. They are still being discriminated in the Labor Market. Continue to earn less than men. Continue with a load of work more than men.
they are that dedicated most of his time in children's education, many are true heads of families, and more, are the least embriagram up with a disgrace we call prejudice.
To all women of the world, especially to Miss, Maria Sousa Costa, lying upstairs, my recognition of dedication and bravery.
 Hugs.
           

35 comentários:

Tiziano disse...

Ti auguro un buon sereno
fine settimana ciao.

Susanna Zanchi disse...

Grazie per il bel post!un abbraccio

Cristina disse...

Recordar el origen del 8 de marzo siempre es bueno,un placer leerte
Te dejo un fuerte abrazo, buen fin de semana!

Wanderley Elian Lima disse...

Olá José Maria
Uma grande luta por direitos que continuam a ser conquistados. Belo texto.
Abração

Marisa disse...

Memorial pós bonito, denota uma sensibilidade especial que faz você de crédito, agora é um pouco "perdido a motivação do partido e como geralmente acontece em um mundo globalizado, tudo é reduzido em exterioridade e business.
Obrigado por todas as mulheres que são violados no mundo.

Ely disse...

É bom que você escreveu .. Obrigado e parabéns a você, grande mulher e amiga. Esperamos que a mulher tem o reconhecimento que merece.

Carolina disse...

Boa histoira, recuerdo e homenagem justo, querido amigo. Obrigado por suas palavras hermosas! Um abraco grande, tenha um lindo final de semana.

Marina-Emer disse...

muchas gracias por la visita y felicitarme el dia especial para la mujer gracias y feliz fin de semana con cariño
besos
Marina

✿ chica disse...

Obrigado pelo carinho e homenagem! abraços,chica

Bandys disse...

Obrigado pela gentileza, adorei.

Fiz essa mensagem para as mulheres e incluo suas amigas e leitoras.

O maior presente que uma mulher pode ganhar nesta vida é que permitam a ela ser ela mesma.
Que seu buquê de rosas seja o poder pensar por si própria,que seus bombons sejam a liberdade de falar o que pensa,que suas jóias sejam ter a ventura de realizar suas aspirações...
Neste dia,e por todo sempre,uma lei seja sacramentada:nada,nem ninguém nos tome como objeto.Somos alma,e queremos existir!
ABENÇOADO SEJA ESSE DIA! Parabéns mulheres!!!



Beijos

LUZ disse...

Olá, estimado Zé!

Pois, isto aconteceu no século XIX.

Não estou de acordo nem celebro o dia da mulher, porque os dias do ano, são nossos e vossos.

Eu não quero um dia só pra mim, quero todos, em conjunto e comunhão com o homem.

Abraços da Luz.

Livinha disse...

Olá José,

Maravilhoso texto e confesso que não tinha noção de que o dia de hoje era visto por essa razão. A covardia, o desrespeito, pela falta de reconhecimento ao coração feminino, responsável pelo amor, laços fecundos, voltadas para o mundo pelos braços do Senhor.
Parabéns por belíssimo texto levando a todos o reconhecimento do sagrado coração feminino a alcançar seus direitos com primor merecido.

obrigado pela visita em meu espaço duplamente, pelo carinho por lá deixado.

Abraços

estendidos a vossa mãe que como a minha se encontra no andaime superior...

Livinha

PERSEVERÂNÇA disse...

Querido José, gostei de sua postagem.
Deixo um beijinho no seu coração
Nicinha

Montserrat Llagostera Vilaró disse...

Hola josé Maria.
Muchas gracias por su visita a mi blog.
Efectivamente como cuenta en su Post, las mujeres han tenido que luchar mucho,y aún hoy día están descriminadas.
Un beso, Montserrat

Malu Silva disse...

Todas nós agradecemos sua linda homenagem.
Um grande abraço, meu amigo!!!

Malu Silva disse...

Todas nós agradecemos sua linda homenagem.
Um grande abraço, meu amigo!!!

Vera Lúcia disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Vera Lúcia disse...

Olá José Maria,

A mulher é o coração do lar e do mundo e o reconhecimento do seu valor cresce a cada dia.

Obrigada pelo carinho dos cumprimentos. A celebração do Dia Internacional da Mulher pode ser desnecessária, mas é uma justa homenagem.

Abraço.

Magia da Inês disse...

¸.•°♡♡

Belo texto, linda homenagem.
Bom fim de semana!
Beijinhos.♡°•.¸

¸.•°♡♡°•.¸

Łucja-Maria disse...

Hello!
I look forward to your visit on my blog!
With great interest I read your post.
It's great.
I hope that we will be visiting.
I cordially greet of distant Polish...
Lucia

Bob Bushell disse...

Really nice bunch of flowers.

Adenildo Bezerra disse...

As mulheres são encantadoras. Nenhum país do mundo será plenamente desenvolvido enquanto não respeitarem e valorizarem as mulheres. Na minha vida, além da minha mãe, Antonia Bezerra, há outras mulheres que foram fundamentais para o meu desenvolvimento, dentre elas: Edina Bezerra, Tereza Garcia, minha professora preferida; Cleres Figueirêdo, Dona Eulina Pötker, Creuzinha, Dona Cotinha, minha primeira professora; Dona Tunica Pereira, Dona Maria Corrêa, vizinha adorável, todas elas ararienses, maranhenses, brasileiras. O Bruno ficou impune. Uma lastima de leis e de justiça nós temos. Mas viva as Mulheres!!!

Maria Rodrigues disse...

Bom dia José Maria, hoje começei em "Grande" o meu dia de navegação na net ao visitar o seu blog. Vinha agradecer a sua visita e presença no meu humilde cantinho e fiquei encantada com a forma como escreve. Este post está Especial, pois está escrito com alma, sem ser apenas da boca para fora, nós Mulheres, estariamos certamente noutra posição de vida, se todos os homens pensassem assim sobre o papel da mulher na vida comum e na sociedade. Aplaudo de pé! Terei o maior prazer em seguir também a sua caminhada na blogosfera.
Um grande abraço deste lado do oceano.
Maria

Roscio disse...

Ciao Josè grazie per il tuo passaggio. Condivido il tuo pensiero, ti seguirò con piacere.

Dinha disse...

Bem, eu tenho temido mudar, Porque eu construí minha vida ao seu redor, Mas o tempo traz coragem; crianças envelhecem, Estou envelhecendo também.(sinopse do meu blog)
Acessa o meu blog?
"Crianças Envelhecem"

http://criancasenvelhecem.blogspot.com.br/

Espero a sua visita, se gostar do meu blog, segue lá, ficarei muito feliz.
Desde já obrigada, tenha uma ótima semana.
Atenciosamente Dinha.

GENIVAL SANTIAGO disse...

Olá José Maria, já estou te seguindo também. Grande abraço!

Ivone disse...

José Maria, linda homenagem às mulheres, aqui bem lembradas, as que sofreram e sofrem discriminação, violências de todo tipo, pois até em pequenas coisas a mulher é deixada de lado sem a devida consideração.
Tenho orgulho de ser mulher, acho até que se tiver de escolher de novo nascer, seria mulher, tantas quantas eu puder, pois é mesmo a mulher uma grande vencedora!
Que lindo a sua consideração e a dona Maria Souza Costa deve estar bem orgulhosa de ti lá "no andar de cima"!
Grande abraço e obrigada pela parte que me toca nessa linda homenagem!

Arione Torres disse...

Oi amigo, ótim,o post!! Lindo!!
Boa semana, beijos.

Mary disse...

Oi José Maria!

Sabemos que não mudou muito.

Mulheres ainda são violentadas, estupradas em seus direitos, esquartejadas em seus desejos, como vc bem disse.

E esse caso da Eliza Samudio.
Esse monstro não são digno nem verem a luz do sol, nunca mais.

Mas infelizmente logo logo eles estarão em liberdade.

Obrigada pela sua visita.

Jailson Mendes disse...

Olá amigo José Maria...

Passei pra ti desejar ótima semana meu amigo

forte abraço

Jovem Jornalista disse...

Também fiquei chateado com a pena de Bruno, muito pouco tempo. Acho que a justiça deveria respeitar as mulheres de uma forma geral. Amei o texto!

jj-jovemjornalista.com

GEORGIA disse...

Gracias por tu visita...un abrazo desde esta orilla

Juan José disse...

Hola amigo, soy el escritor de Geobiodiversidad Andaluza, el blog en el que dejaste un comentario, me ha gustado mucho tu blog es bastante interesante y la verdad muy bien organizado, y eso de traducirlo a varios idiomas es bastante interesante para llegar a más público. Muchas gracias por tu comentario y estamos en contacto. Un saludo, Juan José Rendón Aragón.

Sara Di Carlo disse...

Hello from Italy!

La abuela frescotona disse...

tienes razon Jose María es un día para recordar llorando tantas tragedias, saludos