Seguidores

Translate

quinta-feira, 14 de março de 2013

Hora da Misericórdia - Stato di Pietà

Texto de: José María Souza Costa.
   


 
Para onde está o olhar da Igreja Católica Romana, quando elege o Cardeal, Bergoglio, ao posto de Bispo de Roma ?
" Os meus irmãos, foram me buscar no fim do mundo" - disse, à multidão.
A Igreja Católica, clama mesmo por transformações ?
Terá o Bispo de Roma, condições de enfrentar a Cúria Romana, "uma organizada",  regida pela batuta da corrupção, pelos escândalos de pedofilia, pelas negociatas, enfim, por uma sucessão de fatos que nada tem haver com a Igreja de Cristo ?
Mas, responderão os sociólogos e filósofos de oportunidades:
- A Igreja é constituida de homens,  - e por que cara pálida, esses mesmos homens não podem serem probos, honrados, íntegros, em vez de plantar um moralismo, aonde o limite é a batina ?
É verdade, que o Cardeal Ratzinger, com a sua renúncia, e ao jogar no lixo o dogma da infalibilidade, está enviando aos católicos, a mensagem de que, para tudo existe um limite.
Com a eleição do Cardeal Bergoglio, o conservadorismo sisudo europeu foi derrotado, a tradição do Bispo de Roma, ser genuinamente um italiano, está  a cada Conclave ficando para trás. E neste momento, a mídia apresenta um teólogo, um jesuíta, um homem despojado dos castelos, dos ornamentos e do reluzir do egocentrismo. Mas, não esqueçamos, o Cardeal Bergoglio, é um intelectual  conservador. Então, o que mudou, perguntarão.
" Na Argentina, não foram só aplausos, houve manifestação de repúdio, até por que desde que o jornalista, Horácio Verbitsky, escreveu o livro " El Silencio", segundo ele, testemunhos de vítimas do regime indicavam que, em 1976, Bergoglio, então chefe da Congregação Jesuíta na Argentina, teria retirado a proteção a dois sacerdotes de sua ordem que realizavam tarefas sociais em bairros pobres de Buenos Aires.
Os dois religiosos - Orlando Yorio e Francisco Jalics- foram detidos em 1976 e ficaram presos por cinco meses na Escola Mecânica da Marinha, local conhecido por ter sido um dos principais centros de tortura durante a ditadura argentina.
Bergoglio posteriormente rechaçou as acusações. "Fiz o que podia, com a idade que tinha e os poucos relacionamentos com que contava, para advogar por pessoas sequestradas", disse. Ele afirmou que não havia respondido às acusações imediatamente para "não fazer o jogo de ninguém, não porque tivesse algo a ocultar".
O cardeal também foi chamado como testemunha em processos relacionados à ditadura, como o caso do desaparecimento de uma mulher grávida, filha de uma das Cofundadoras da Organização Avós da Praça de Maio, ou o sequestro e assassinato de um padre francês na província de La Rioja, em 1976."
Na verdade, nesta ciranda de pensamentos, sabemos que a Ditadura Argentina, foi tão voraz quanto a Brasileira. E não podemos esquecermos que aqui, no Brasil, tivemos o Cardeal Dom Paulo Evaristo Arns, Dom Helder Câmara, Dom Aloísio Lorscheider, entre outros tantos, que não silenciaram ante os fascínoras fardados. E a História, dirá  de que lado ficou o hoje Bispo de Roma.
Não sei se nesta ciranda da fé, a Igreja está a pedir misericórdia, ou está, em estado de misericódia.
 

................................................................

Dónde está la mirada de la Iglesia Católica Romana, cuando elige el Cardenal, Bergoglio, para el cargo de obispo de Roma ?
"Mis hermanos, he estado buscando en el fin del mundo "- dijo a la multitud.
La Iglesia católica, clama por transformación ?
¿El Obispo de Roma, es capaz de hacer frente a la Curia Romana, "un organizado", que se rige por la batuta de la corrupción, los escándalos de pedofilia, por negociación, finalmente, por una sucesión de acontecimientos que no tiene nada que ver con la Iglesia de Cristo?
Pero, responderon los sociólogos y filósofos de oportunidad:
- La iglesia se compone de hombres - y por que cara pálida, esos mismos hombres no pueden ser vertical, honorable, justo, en lugar de plantar un moralismo, donde el límite es la sotana ?
Es cierto, que el cardenal Ratzinger, con su renuncia, y al julgar en basura, el dogma de la infalibilidad, están enviando los católicos, el mensaje que para todo hay un límite.
Con la elección del Cardenal Bergoglio, el conservadurismo circunspecto europeo fue derrotado, la tradición del obispo de Roma, tenga realmente un italiano, cada Cónclave se está quedando atrás. Y esta vez, los medios presentan un teólogo, un jesuita, un hombre despojado de castillos, adornos y brillos de egocentrismo. Pero, no lo olvidemos, el Cardenal Bergoglio, es un intelectual conservador .Entonces, el qué cambiou, pregunte.
"En la Argentina, sólo hubo aplausos, hubo manifestación de repudio, incluso desde que el periodista, Horacio Verbitsky, escribió el libro" El Silencio ", dijo testimonios de las víctimas del régimen indicado que en 1976, Bergoglio, entonces jefe de la Congregación de los jesuitas en Argentina ha quitado la protección de los dos sacerdotes de su orden sostuvo que las tareas sociales en los barrios pobres de Buenos Aires.
Ambos religiosos - Orlando Yorio y Francisco Jalics-fueron arrestados en 1976, y fueron encarcelado durante cinco meses en la Escuela de Mecánica de la Armada, un lugar conocido por ser uno de los principales centros de tortura durante la dictadura argentina.
Bergoglio, posteriormente rechazó las acusaciones. "Hice lo que pude, con su edad y con pocas relaciones que contaba, para abogar por los secuestrados ", dijo. Dijo que no había respondido a las acusaciones de inmediato a" hacer el juego a nadie, no porque tuviera algo que ocultar ".
El Cardenal, también fue llamado como testigo en los procesos relativos a la dictadura como es el caso de la desaparición de una mujer embarazada, la hija de uno de Abuelas Organización Cofundadoras de Plaza de Mayo, o el secuestro y asesinato de un sacerdote francés en la provincia de La Rioja en 1976. "
En realidad, este torbellino de pensamientos, sabemos que la Dictadura Argentina era tan voraz como el Brasileño. Y no podemos olvidar que aquí, en Brasil, tuvo el Cardenal Dom Paulo Evaristo Arns, Dom Helder Camara, Dom  Aloisio Lorscheider, entre muchos otros, no callar ante los fascínoras uniformados. Y la historia dirá de qué lado estaba el obispo de Roma en la actualidad.
No estoy seguro de que este tamiz de la fe, la Iglesia está pidiendo misericordia, o se encuentra en estado de misericordia.

 

........................................................................

Dove è lo sguardo della Chiesa cattolica romana, quando elegge il cardinale Bergoglio, al posto di Vescovo di Roma
"Fratelli miei, ho cercato alla fine del mondo "- ha detto alla folla.
Chiesa cattolica, anche grida di cambiamento?
Ha il Vescovo di Roma, in grado di far fronte alla Curia romana, "in modo organizzato", disciplinato dalla bacchetta di corruzione, gli scandali di pedofilia, da contrattazione, infine, da una successione di eventi che non ha nulla a che fare con la Chiesa di Cristo?
Ma rispondo sociologi e filosofi  alle opportunità:
- La chiesa è composta da uomini - e da quel volto pallido, quegli uomini stessi non possono essere in posizione verticale, onorevole, in posizione verticale, invece di piantare un moralismo, dove il limite è la tonaca?
Vero, che il cardinale Ratzinger, con le sue dimissioni, e buttare via il dogma dell'infallibilità, i cattolici sono l'invio del messaggio che ci sia un limite a tutto.
Con l'elezione del cardinale Bergoglio, austero conservatorismo europeo è stato sconfitto, la tradizione del Vescovo di Roma, essere veramente un italiano, ogni Conclave è in ritardo. E questa volta, i media presenta un teologo, un gesuita, un uomo privo di castelli, ornamenti e glitter di egocentrismo. Ma, non dimentichiamolo, il cardinale Bergoglio, è un intellettuale conservatore. Quindi, che cosa è cambiato, chiedete.
"In Argentina, ci sono stati solo applausi, c'era la dimostrazione di ripudio, anche che, poiché il giornalista Horacio Verbitsky, ha scritto il libro" El Silencio ", ha detto testimonianze di vittime del regime indicato che nel 1976, Bergoglio, allora capo della Congregazione dei Gesuiti in Argentina hanno rimosso la protezione i due sacerdoti del suo ordine statuito che i compiti sociali nei quartieri poveri di Buenos Aires.
Sia religiose - Orlando Yorio e Francisco Jalics-sono stati arrestati nel 1976 e sono stati incarcerati per cinque mesi nella Scuola di Meccanica della Marina, un luogo noto per essere uno dei principali centri di tortura durante la dittatura argentina.
Bergoglio successivamente respinto le accuse. "Ho fatto quello che ho potuto, con la sua età e le relazioni con i pochi che contava, a sostenere per le persone rapite ", ha detto. ha detto che non aveva risposto alle accuse immediatamente di" fare il gioco nessuno, non perché aveva qualcosa da nascondere. "
Il Cardinale è stato anche chiamato a testimoniare in un procedimento in materia di dittatura come nel caso della scomparsa di una donna incinta, la figlia di una delle Nonne Organizzazione Cofundadoras di Plaza de Mayo, o il rapimento e l'assassinio di un prete francese in provincia di La Rioja nel 1976. "
In realtà, questo vortice di pensieri sappiamo che la dittatura argentina era vorace come il brasiliano. E non possiamo dimenticare che qui in Brasile, ha avuto il cardinale Dom Paulo Evaristo Arns, Dom Helder Camara, Dom Aloisio Lorscheider, tra molti altri, non tacere davanti ai fascínoras Uniformed. E la storia dirà da che parte era il Vescovo di Roma oggi.
Non sono sicuro che questo vaglio della fede, la Chiesa sta chiedendo pietà, o si trova in uno stato di pietà.

18 comentários:

Pakiba disse...

Es un papa demasiado conservador y creo que la iglesia necesita renoarse para seguir adelante.

Meine Testecke disse...

Yo tambien pienso que seria mechor, que el Pape sea mas joven, para entender la juventud. Aver si se mechora la situation de la Mujer?
Ich denke, das es besser gewesen wäre, wenn wir einen jüngeren Papst bekommen hätten, der auch die Jugend verstehen kann. Schauen wir mal, ob sich für die Frau etwas ändert?
Lg
Manu

Łucja-Maria disse...

Seu artigo é muito interessante.
Li com grande interesse.
Não me julgue Papa.
Eu estou feliz que temos um novo.
Mando saudações.
Lucia

Wanderley Elian Lima disse...

Olá Jose Maria
Entra papa, sai papa e a Igreja continua a mesma, conservadora, radical, hipócrita e desvinculado do maior princípio de Deus o "Amor".
Não acredito e não espero que alguma coisa mude com o papa atual.
Bjux

Ivone disse...

José Maria,li isso hoje nas reportagens dos jornais, mas como todos os votantes são conservadores, escolheram um representante da igreja mais conservador ainda,"low profile", que se mostra humilde demais, mas sabemos que isso não existe, terá de ser forte custe o que custar, sabemos que é assim.
Eu até gostei da escolha, embora eu seja católica não praticante,esperemos e veremos!
Grande abraço, gostei de ler seu texto, bem consciente e informado!

Adenildo Bezerra disse...

A eleição do novo Papa, Francisco, argentino, logo, latino-americano, é um bom sinal. Pois quebra uma sequência de milênio dos papas europeus. Se a Igreja está no mundo inteiro, o Papa, ou os papas, devem ser de nacionalidades diferentes. No entanto, a Igreja ainda continua conservadora e fechada aos novos paradígmas do mundo. Jorge Mário Bergoglio é conservador, e ainda tem uma vida pregressa duvidosa no tocante à sua austeridade, severidade. Penso que nada vai mudar. Apenas sai um Papa desgastado pelas suas "intolerâncias" e antipatia, e entra um mais "novo", porém já contestado pelas suas ações no período Ditatorial argentino. A Igreja Católica deveria fazer uma opção pelos pobres, assim como fez o notável São Francisco de Assis,e, claro, o Senhor Jesus Cristo. Mas essa opção pelos pobres não há. O que há na "santa" Igreja são intrigas, dossiês comprometedores, milhares de padres pervertidos e falta de respeito com a Fé do povo. Francisco, o novo Papa, ainda é uma dúvida, incertezas.

ReltiH disse...

NO SABRÍA QUE COMENTAR. NO CONVERJO CON LAS RELIGIONES. OFREZCO DISCULPAS POR MI COMENTARIO.
UN ABRAZO

SONINHA disse...

Olá amigo José!
Esperemos que tudo dê certo!!
Ou quase tudo...!
Vamos confiar!
Beijos no coração, Soninha.

Célia Rangel disse...

Estou de acordo com sua reflexão. Acredito que pouco será mudado... Pela sua homilia de hoje,o papa Francisco reuniu os cardeais que o elegeram e celebrou uma missa na Capela Sistina, e alertou que Igreja Católica se reduziria a uma "ONG caridosa" se não houvesse uma renovação espiritual. Ele também reforçou que a Igreja não se esquecesse de sua missão primordial que é proclamar a mensagem de Jesus Cristo. "Se não nos confessarmos a Cristo, o que seremos?",questionou."Terminaríamos como uma ONG caridosa. O que aconteceria seria semelhante a crianças que fazem castelos de areia e, depois, tudo cai."
Há portanto, na minha modesta opinião, um temor por parte dele que tudo isso se torne 'um castelo de areia'... Para se pensar e muito!
Abraço, Célia.

José Sousa disse...

Caro amigo José!
Antes de mais a minha saudação!
Regressei ao mundo tão interessante dos blogueiros! É aqui que me sinto bem mas, a vida não me tem proporcionado a oportunidade de por andar! Espero agora poder seguir nestes espaços literários.
Gostei deste interessante tema, pois eu sinto e penso por igual... parabéns pelo que nos trouxe!

Deixe-me o seu comentário no meu último poste lá no "Queriaserselvagem"!

Obrigado e um abraço.

Cristina disse...

Creo que habrá mucha tela para cortar... excelente entrada!
Te dejo un fuerte abrazo, bonita noche!

Crista disse...

Zozézinho,meu quelido...bezinhox...
Por enquanto não dou minha opinião,preciso observar por um tempo.
Analiso tudo o que leio e ouço sobre ele...veremos.
Sinceramente?????
Não será como todos esperam que seja.
Haverá muita revolta...se ele não se adaptar aos tempos modernos.
Beijão...

LUZ disse...

Olá, estimado Zé!

Como vai?
Aí, calor, de que você não gosta. Aqui, frio, sem sol, de que eu não gosto.

Bem quanto ao seu texto, que li duas vezes, estou numa situação de "vamos ver", porque podemos mentir ou não agir incorretamente uma vez, duas, mas, normalmente à terceira, as "coisas" se clarificam.

A Igreja, a nossa Igreja é formada por homens e mulheres com defeitos e virtudes, mas têm de se esforçar por ter mais virtudes, que defeitos.

A NOSSA IGREJA TEM HISTÓRIA, UMAS PÁGINAS PARA ESQUECER, E OUTRAS PARA ENALTECER.

Vamos aguardar, porque o "mal" não costuma estar muito tempo guardado nem quieto.

Obrigada por seu comentário em meu blog, mesmo sem levar rosas vermelhas. Me traga, orquídeas, por favor, como tínhamos combinado (que imaginação...!).

Pois não sabe o que é fazer "frou-frou" Eu explico. Palavra francesa, está bom de ver, e significa aquele barulhinho que as sedas fazem, os vestidos das senhoras, por exemplo, ao se deslocar, ou quando alguém pretende apreciar, tocando com as mãos, a leveza e a textura d seda. Parece-lhe , que estão, arrulhando, como faz a rola, mas mais levemente.

BFS.
Beijos da Luz, com estima.

maris disse...

Josè io spero tanto che Papa Francesco dimostri di essere un Buon Pastore per la Chiesa Cattolica.

Un caro saluto dall'Italia!

.continuando disse...

topa uma entrevista pro .continuando?

diego

gla. disse...

Yo creo que es muy pronto para saber que nos depara el destino con este nuevo papa
La iglesia no es solamente para los jóvenes
Pienso que tenemos que darle una oportunidad
En cuanto a las acusaciones...yo creo en él dice porque en ese entonces él no tenía ni por asomo influencias de ningún tipo
Nada se podía hacer
De todos modos es una estratagema que usan para desacreditarlo
Que se yo...yo voy a esperar
Si bien yo particularmente no creo en ninguna IGLESIA...pero si creo en DIOS...le voy a dar mi voto a FRANCISCO
ME GUSTA TU BLOG

gla. disse...

Yo creo que es muy pronto para saber que nos depara el destino con este nuevo papa
La iglesia no es solamente para los jóvenes
Pienso que tenemos que darle una oportunidad
En cuanto a las acusaciones...yo creo en él dice porque en ese entonces él no tenía ni por asomo influencias de ningún tipo
Nada se podía hacer
De todos modos es una estratagema que usan para desacreditarlo
Que se yo...yo voy a esperar
Si bien yo particularmente no creo en ninguna IGLESIA...pero si creo en DIOS...le voy a dar mi voto a FRANCISCO
ME GUSTA TU BLOG

Froilán De Lózar disse...

José María, revisa la configuración porque algo anda mal que no deja ver tu blog en la dirección que dejaste en el mío.
Un abrazo, amigo