Seguidores

Translate

segunda-feira, 14 de janeiro de 2013

Carta Sem Título.




Texto de:  Lucas Montenegro.
 

 
 
Eu não te peço desculpas por ser como eu sou.
    Só te peço paciência, caso queira chegar no eu despido das roupas que lentamente tiro do seu corpo com palavras. Será que quer? A dúvida é um veneno de lentidão cruel, e eu sou desses que sempre desconfia que haja uma nota de ironia escondida nas sonoras gargalhadas do futuro. Você é dessas que nasceram sabendo tudo o que eu passo os dias tentando aprender desajeitadamente, perdido em quimeras distantes e pensando em rimas para o seu nome. E ao procurar seu erro, me deparo somente com minha própria fraqueza por não conseguir identificá-lo, pois sei que deve existir, mas onde?
    Sou só um menino que descobriu o mundo em um livro. E agora estou descobrindo o que está sob meus pés e ao alcance das minhas mãos; e você ainda não está. Como marinheiro ao avistar a terra distante, te vejo. Já não posso ignorar sua existência, e nem partir de volta para o mar sabendo que deixo para trás o solo onde nenhum homem se aventurou da maneira como eu sei que posso me aventurar. E pouco me resta senão consagrar-me à fascinação que trai minhas tentativas de encobrir o domínio que você exerce sobre mim.
    Se essas histórias de destino existirem de fato, não devo me preocupar, pois aí, você me encontraria até parado.
    Mas eu te mereceria, se não houvesse te procurado?
    

19 comentários:

Ana Bailune disse...

Um belo texto. Uma prosa poética.

Ely disse...

Em uma palavra, empolgante. Em outro: incrível. <3

Célia Rangel disse...

Bem, penso que se ficar só em conjeturas... jamais saberá do encontro platônico... Essa é uma fraqueza que requer ser fortalecida.
Abraço, Célia.

Severa Cabral(escritora) disse...

Linda noite amigo !!!!!!
O texto por si se revela em linguagem leve uma grande inspiração...
bjs amigo !

Dunia Syaffa disse...

hy, visit back your blog
thanks follow me
i'm very happy nice to meet u :)

Portal de Blogs Teia disse...

Parabéns, gostei muito do seu espaço, tem muito assunto interessante.
Estarei sempre por aqui.
Até mais

Portal de Blogs Teia disse...

Parabéns, gostei muito do seu espaço, tem muito assunto interessante.
Estarei sempre por aqui.
Até mais

Vera Lúcia disse...


Texto muito lindo, José Maria.
Gostei muito desta construção: " A dúvida é um veneno de lentidão cruel, e eu sou desses que sempre desconfia que haja uma nota de ironia escondida nas sonoras gargalhadas do futuro".
Adorei a leitura.

Abraço.

LUZ disse...

Olá, estimado Zé!

Como tem passado?
Há que tempos não "conversávamos"!
Já sei que esteve bem ocupado, aliás, senti sua falta nos meus blogs, mas, o importante é que já voltou.

Bem, o texto postado tem a marca Lucas Montenegro.
Escreve com erudição, conhecimento linguístico e coração.

De facto, uma mulher receber uma carta desse teor, só pode ficar emocionada, feliz e muito amada.

Por vezes, nem sempre sabemos dar valor às coisas boas, às que nos querem bem e que convivem, diariamente conosco, e é preciso haver um alerta para entendermos o real significado dos sentimentos.

Olha, Zé, em Portugal, vai tudo razoável, estamos vencendo etapas, subindo degrau a degrau, porque assim nos é exigido.
Pedimos, temos de pagar.

TEMOS DE HONRAR QUALQUER TIPO DE COMPROMISSO!

Esse governo, o de Portugal, e no qual votei, tem atuado cirurgicamente e todo o mundo tem levado um "empurrãozinho", mas tem de ser. Se tu ganhas cem, não podes gastar cento e vinte.
ERA O QUE ACONTECIA.

A Virgem de Fátima e as boas intenções dos governantes (claro, que há gente na política, que não presta, mesmo) ajudarão Portugal a vencer esta batalha, com SUCESSO.

Olha, outra coisa: vem para cá: frio e chuva, que faz dó. Estou constipada, devido às temperaturas tão baixas, 6º/7ºg. Nossa Senhora nos valhe!

Beijo, com estima e apreço da sua amiga Luz.

Patty disse...

Ciao JoséMaria, grazie per la tua visita, sono passata a salutarti ed augurarti fortuna e amore per questo 2013. Un abbraccio, Pat

Bicho do Mato disse...

Oi amigo, tudo bem? Vim visitar teu blog e aproveito para dizer que voltei a postar em meu blog. Convido-te a fazer uma visitinha, pois estás fazendo muita falta. Aguardo-te. Abraços do amigo Bicho do Mato.

fatacarabina disse...

Ciao :)

Maria Adeladia disse...

Vc é um poético de mão cheia..rsss! É uma gracinha,sabia? Beijos e felicidades.

ReltiH disse...

EXCELENTE, SIEMPRE EXCELENTES TEXTOS, LOS QUE NOS COMPARTES.
UN ABRAZO

Jovem Jornalista disse...

Como sempre, amo os poemas daqui e pretendo estar com vc em 2013!


Depois de um longo período de férias, estou de volta! rs
jj-jovemjornalista.com

kalinki summerhouse disse...

Hugs from Poland!

SEX IS MY LIFE disse...

Primeira vez que venho aqui... primeira de muitas... adorei os textos.... todos!
Adoraria receber sua visita também no meu blog de poemas:
www.integraldemim.blogspot.com
Parabéns e já sou teu seguidor!

poesias maria do carmo disse...

oi josé Maria,tudo bem com vc poeta? estou com saudades de vc,sabia? muito lindo o texto,bjos e aparece no meu cantinho.

林磊 disse...

2016-2-27 leilei
moncler jackets
fitflops uk
michael kors handbags
air max
louis vuitton handbags
jordan 3 white cenment
fitflop shoes
ralph lauren outlet
nike blazer
adidas trainers
longchamp le pliage
cheap ray ban sunglasses
coach outlet store online
michael kors bag
true religion sale
moncler jackets outlet
uggs on sale
coach outlet online
louis vuitton
nike air max 95
louis vuitton outlet
louis vuitton outlet stores
ray ban sunglasses
louis vuitton handbags
prada handbags
nike air max 90
air max 90
kate spade outlet
louis vuitton purses
mont blanc pens
michael kors outlet
toms outlet
jordan retro 4
nike huarache
canada goose uk
toms shoes
instyler max
ugg boots
gucci outlet online
jordan 3s