Seguidores

Translate

sábado, 30 de outubro de 2010

de: Cleilson Fernandes, para o blogdOjosemariacosta


DO: Radialista e Comunicador: Cleílson Fernandes
para:  blogdOjosemariacosta


Oi, ZMSC!

Você sabe do meu amor às Letras como sei do seu, essas impetuosas conquistadores de quem têm sensibilidade para a poesia da vida.
 
Seus textos A CANÇÃO EM MAR ABERTO 1 e 2, assim como os sobre a Festa de Bom Jesus e tantos outros deste blog, e o próprio blog em si, só vêm ratificar o que há alguns dias partilhe, nessa maravilhosa teia a que nós estamos apegados. Ousarei partilhar com seus demais visitantes um pouco do que penso e sinto sobre tais coisas.
 
Primeiro, falar de você para mim é uma satisfação, como foi tê-lo no histórico Colégio Arariense anos atrás a falar, a cantar

 e a gracejar com poesia, filosofando e partilhando saberes da existência para nosso alunado. E em suas visitas lá em casa pelas férias, nosso papo pela rua, tocando ideias, ideais e algumas "ideotices" que temos em comum.
 
Depois, é inevitável dizer: que iniciativa legal alguém ter inventadoBLOG, e que coisa maravilhosa é o uso que você vem fazendo dessa ferramenta. De minha parte, o espaço reservado à nossa Arari, e ao nosso Maranhão

 no seu ambiente virtual é louvável. Também o partilhar da vida de Sampa acessível a nossos jovens ararienses é muito proveitoso, aproxima-nos daí e reaproxima você de nós, da velha e quase próspera Arari. Sem rodeiros : o acesso a seu blog é sempre produtivo.
 
Sobre sua forma de expressão, eu disse e repito agora para mais interlocutores: você tem sensibilidade para o mundo, e maestria no registrar suas impressões sobre ele, e do seu jeito. Ou seja, você tem talento e estilo, originalidade no que dizer e principalmente em como fazê-lo (Muita gente não tem nem mesmo o que dizer e diz tolices).

 São coisas raras essas, comum é a repetição de conteúdo, de modos... (até de sexo tem gente fazendo imitação do outro, porque o do vizinho parece melhor, igual a prato de comida da casa alheia).
 
Há no seu escrever um misto de opinião, descrição, crítica, drama, arte, ironia e originalidade (e vamos e convenhamos, uma boa dose de deboche

 e de veneno para matar ratos, cobras e outros bichinhos impertinentes). Um jeito próprio de dizer, boa escolha de temas

e conteúdos que os retrate... E nossa! Que coisa legal você ter tomado a iniciativa de criar o quadro "blogdOjosemariacosta" em nosso programa de rádio, a série de entrevistas sobre a realidade arariense, os textos sobre nossos fatos e "desfatos"...
 
Seu exemplo deve ser seguido tanto pelo aproveitar espaços informativos e educativos,

 quanto pela preocupação com nossa terra mesmo estando tão longe, enquanto muitos estão tão pertos de nós e se fazem distantes, apáticos, e omissos.

Ou quando não, pertos, mas para se dá bem à custa de nossa gente e de nossos potenciais (agora pelo período eleitoral, então...)

 
Nossa! Estou sendo prolixo e cansativo... Basta por ora! Resumamos.

Amigo, vá em frente com essa iniciativa, um blog também é uma arma e uma ROSA. Visitantes, continuemos visitantes. A gente se lê por aqui (nossa, essa parte da G. foi o Ó, né? Rs rs rs...)

NOTA DESTE blOgueiro:
Eu escrevo meus textos, imaginando que podemos fazer, sem colocar o "fel" derramado em tintas ...rsrs
Um abraço do tamanho da Cidade de Arari, em todos vocês.
 
 

quinta-feira, 28 de outubro de 2010

VERDADES SOBRE OS POETAS

poema de: RodrigoOdisseu

estudante de LETRAS no Estado do Amapá

meu seguidor pelo twitter

Palavras de Poetas, são verdades

Bem ditas lá do fundo do coração,

Por mais que não entendas uma fração,

Elas não são, a eles, leviandades.

                        **********


Escritas com a mais pura sinceridade,

Pouco importa, se forma uma canção,

Um bom soneto, ou outra composição.

Mais vale é sair de trás das grades.

                  ***********

A fuga do Poeta, é escrever

Aquilo que se sente, e que podem poucos

Com as mais belas palavras descrever.

                     ***************


Por isso que para uns, Poetas são loucos,

Pois fazem o que ninguém pode fazer.

Que é falar muito, sem ficarem roucos.



segunda-feira, 25 de outubro de 2010

A DANÇA DO POSTE


No inicio do ano 2000, surgiu aqui em São Paulo, nas

 boates, um cano erguido horizontalmente, aonde as garotas subiam , e desciam por ele entre as pernas.Era delírio entre os adolescentes masculinos e velhotes aposentados que fugiam dos lares, para  alegrar-se as escondidas de suas velhinhas

 Logo os frequentadores apelidaram de " a dança do queijo" , Em 2008, o autor global Aguinaldo Silva, levou isso para a tela da Venus no personagem da atriz Flávia Alessandra, na novela " Duas Caras", logo a  patuléia apelidou de " A dança do poste" ou "A dança do cano", tudo em um jogo de palavras para traduzir isso, em um significado de sedução Os puritanos chamam de "Pole Dance", você já deve ter ouvido ou lido essa expressão por ai Dizem que 90%

 das meninas usam a dança do poste, para seduzir os seus namorados. Será ? Agora essa moda invade as Academias, não mais como sedução, mas como algo que ajude na preparação física Será ? Isso vem crescendo, havia apenas duas academias em Sampa com tal modalidade, hoje já são 15, e querem transformar isso, em modalidade esportiva Olímpica, e incluir nas Olimpíadas de 2014.

A dança do poste, não será mais vista apenas como um "stripper", para seduzir os assanhados velhinhos aposentados

e muito menos para mexer com a inocente imaginação dos nossos adolescentes.
E eu fico pensando, em minha adolecencia que já faz tempo, seduzir era outra coisa. Fui criado na Cidade de Santos, no interior de São Paulo.

 Belas praias, e ponto turístico no calendário nacional Morei lá dos 12 aos 23 anos de idade Íamos aos Clubes Santista, Portuários, Santos Futebol Clube, e outros ao sábado à noite para bailes, ouvir músicas, convidar a menina para dançar, deixar deslizar entre a orelha, e o perfume, os cochichos sedutores, que só as palavras juvenis são capazes de seduzir, embriagar, e escorregar para os lábios e grudar-se em beijos
Dançar agarrado, bailar

, é muito mais que um jogo de sedução,é uma arte Deslizar os passos, navegar por um imaginário de felicidade, envolver-se com o desejo e o sonho, é atrelar a conquista em uma inspiração que somente a alma derrama e umidece.


E você, já ergueu o seu poste para deslizar em dança, ou continua a embriagar o olhar apenas com os desejos, e a respiração presa, quando contempla o belo ?


Certamente a dança do poste ainda vai dá o que comentar, em uma imagem em que o namorado adolescente fica de pé, olhando para cima,observando a sua namorada, semelhante um felino olha a presa pendurada à árvore, em um desejo enorme de degustação
.......................escreveu José Maria Souza  Costa


sábado, 23 de outubro de 2010

FELIZES OS PROFESSORES QUE SALVARAM-SE DO ENVENENAMENTO COLETIVO NO ESTADO DO MARANHÃO



De repente a Secretaria de Educação do Estado do Maranhão, convoca os mais de 44 mil professores do Estado da Rede Publica, para fazer o que ela chamou de " Curso de Formação Continuada", cada um em sua área de conhecimento.Isso para o Ensino Médio.

No papel, tudo muito estético, tudo funcionando mais redondo que as métricas de Camões.

 Na prática, o horror, a tortura, o descalabro, e mais uma vez, a prova cabal que a Roseana Sarney, não consegue gerir nada além, que as suas vaidades pessoais.

Tiraram esses profissionais de suas residências, para alojar em locais insalubres, de qualidade desgraçadamente miseravéis,

 forneceram alimentação estragada,

 onde muitos foram atingidos pela diarreia, por vomitos, tonturas, e desistência de muitos docentes. Em alguns casos, os professores tiveram que tirar dinheiro do próprio bolso, para sanar suas despesas. A Secretaria de Educação do Maranhão, havia contratado uma Empresa para  prestação  desses serviços, ou seja terceirizou

 a prestação dos serviços. Conversei via "tuíter", no dia de ontem ( 22/10) com o Secretário de Educação do Estado do Maranhão, Sr. Raposo.Ele me tuitou respondendo o seguinte: " Que lamentava o ocorrido, que estava tomando medidas necessárias para que fatos como esse não se repetisse jamais,( só faltava essa, querer repetir a mesma desgraça ), que a empresa terceirizada estava sendo processada judicialmente para ressarcir os professores que pagaram as despesas do seu bolso, e que havia no Maranhão muita briga politica, por que o pessoal não aceita um professor no comando da Educação"

Arguir ainda o Secretário, sobre o Estado ter pago R$ 250 ( duzentos e cinquenta reais) por uma Carteira. Ele me tuitou respondendo o seguinte: " Não é verdade a noticia, o preço das carteiras escolares custou R$ 135 (cento e trinta e cinco reais) a unidade, cotação esta feita em parceria com o MEC. Depois colocou-se em disponibilidade, para conversarmos mais, lhes garantir que voltaríamos a conversar mas queria saber sobre a UEMA ( Universidade do Estado do Maranhão), onde  paira um cheiro de "bolô", pelas vias das vaidades que nada tem haver com o ensino.

Ontem os docentes maranhenses lançaram uma Carta de Protesto, em toda a mídia contra esses descalabro, da Secretaria de Educação.

É esse o quadro da Educação no Governo da Roseana Sarney, não atoa no ultimo ENEM, das 10 piores escolas classificadas, o Estado do Maranhão forneceu 03(três) para essa estaparfudia classificação. Um acinte, com a classe estudantil Maranhense.

Sortudos, foram os professores que sobreviveram. E vem, o Secretário Raposo, contar "estória" em minha orelha.

Só para lembrar os leitores, que a menos de 15 dias, o Senador José Sarney, Presidente do Senado Federal, sofreu uma arretimia cardíaca, e veio tratar-se aqui em São Paulo, por que em mais de 40 anos controlando os Cofres Publico do Estado,não são capazes de construir um Hospital, ao menos para (eles), morrerem fingindo dignidade. Não há hospitais, existem açougues humanos de extermínios, não existem Escolas.  Assim não dá............escreveu José Maria Souza Costa




quarta-feira, 20 de outubro de 2010

Avenida Arari

poema transformado em prosa
de: José Maria Souza Costa


Se for pra confessar, a plenitude da cidade

 exposta a  olho nu, terei que cortá-la de Norte a Sul, e atravessar por sobre o Nema; uma vertente de águas turvas e barrentas.
Do lado de lá:

... a trizidela e os maguezais. Aningas, pra fazer jangadas e flutuar...ouvi, o canto das lavandeiras em suas tábuas de lavar, veleiros a deleitar-se no

 Mearim, e nas curvas da Rabela e no Barreiros, as melancias enormes assim...

Do lado de cá:
tem tambor de crioula pra dançar, a mulata segura na beira da saia, e num pé só a noite inteira põe a bailar.

 Tem Paços, igrejas, terreiros de camdoblés. Tudo é belo, tudo é bonito, até morar aqui, eu vou plantar o meu coração

 no Recanto Florido, sentar na Praça da Bandeiras chupando caqui e lendo o blogdOjosemariacosta.

 Ai você gosta não é, por que eu vou fazer da rua da Beira uma Escola de Samba,

 e desfilar nu, por uma avenida chamada Arari. Vou degustar piaba assada na barragem ao som de Nhen, queimando fumo de corda,  pra ficar "zen". Rezar nos festivais de Setembro,

 por que em Junho tem boi bumbá.

Ah meu belo, só sei que não vai quem já partiu, ou vai parir, e não vai desfilar na Escola de Samba, pela Avenida chamada Arari.