Seguidores

Translate

quarta-feira, 29 de setembro de 2010

AS LÍNGUAS E OS DEDOS DE ALUGUÉIS.


Leitores amado meus ................

Estamos em ano Eleitoral. E inicia-se as guerras. De nervos, de palavras, onde tudo caminha deliberadamente para a chamada baixaria. Os cabos eleitorais, demonstram nervosismo, com as escolhas feitas pelas pessoas, quando esta não lhes agrada. Entende-se que as pessoas vão perdendo o sentimento do "bom senso", como fossem estas "arauto da verdade", do saber, da moral e da ética.

A comunicação evoluiu. Em minha juventude ter um telefone, era um luxo só, por que os dígitos, nasciam das maquinas de escrever. Então, posso afirmar que naquele tempo, as pessoas alugavam apenas a voz. Hoje com o advento da Internet os: e-mails, orkuts, facebooks, blogs,  twitters, enfim as redes de relacionamentos traduziram-se em ferramentas em potencial, para o debate Eleitoral, e a corrida ao voto pelos cabos eleitorais, ou militância partidária, ou seja lá, que nomeclatura queira epitetar.

Emitir uma opinião contrário, via twitter, os cabos eleitorais enchem a sua caixa de mensagens, não respeitando o contraditório, verve máxima da democracia. Porém, muito percebí, que além da língua, eles também alugam os dedos. Afinal, o cabo eleitoral, é o retrato fiel do candidato. Mas, tenhamos calma, cautela, pés no chão, quer seja no asfalto ou na Pátria mãe gentil, neste caminhar rumo a estrada dos sonhos políticos, nem todos passarão pela prancha das urnas.

Escreveu........José Maria Souza Costa

terça-feira, 28 de setembro de 2010

METÁFORAS EM PAPÉIS



METÁFORAS EM PAPEIS
de: José Maria Souza Costa

Poema este, que concorre ao Prêmio Acessa São Paulo.


Quando o teu coração calar,
Agente afaga a boca
E encontra um jeito de sussurrar.


Quando as linhas, do teu pensamento costurar
Os caminhos dos  desejos, que deslizam
Entre os dedos, de um missivista virtual...


E o aroma dos teus lábios flutuar
Na direção de um outro lábio

Neste mundo desigual.

Eu pergunto: - o que fazer, o que cantar
A quem pedir, e a quem chamar ?
 - Vai caminhar ou deslizar
Vai correr ou se entregar

Vai fugir ou dispersar ?

Ou pensar que a vida é só
Metáforas, que bordam tintas e papéis

E tais pastéis, borram papéis,

E viram pó ?






--


      

Fwd: Marajá do Sena - MARANHÃO, O pior município do Brasil.




Você já ouviu falar em MARAJÁ DO SENA ?

Pois é, esta Cidade existe. Esta localizada no Estado do Maranhão, a 350 km de São Luís, e segundo o Índice de Desenvolvimento Municipal ( IFDM ), é a cidade mais pobre, mais necessitada, mais miserável do Brasil. Ocupa o 5.564 lugar no ranking, e recebeu a nota 0,3394.

Você por acaso, sabe quem é a Governadora do Estado, aonde localiza-se, essa cidade ? É isso mesmo. Ela tem nome e digitais pouco caso, Roseana Sarney.
MARAJÁ DO SENA, está cravada num belo vale de Serras, formada por palmeiras de babaçu, mas não acompanha o encanto natural que lhes rodeia. Possui segundo o IFDM, os piores indicadores sociais do Brasil. De todo o Brasil. A sua população tem água encanada, dia sim, dia não. Não existem médicos na cidade, e as por suas ruelas de terra batida, escorre o esgoto a céu aberto. Para chegar a esta, o acesso é por uma estrada de terra esburacada. E para ir de lá, para qualquer um outro lugar, viaja-se num pau-de-arara. Na Câmara Municipal, e no Posto de Saúde, existe um aviso, no dia 10 de Outubro estará ali um médico oculista. Precisa falar com um senhor de nome Reginaldo, na farmácia do Centro de Saúde. As consultas se realizarão no Plenário da Câmara Municipal. Ali os


Vereadores só se reúnem 03 vezes ao mês e, ganham um salário de R$ 1.200,00 ( Hum mil e duzentos reais por mês ) O Centro de Saúde, oferece poucos serviços: dentista, exame de fezes e urina suturas e parto normal. Estes, realizados por Enfermeiras.

 Não existe condições para uma cesariana. 02 clínicos gerais, de fora, revezam-se, no atendimento à população 01 dia  por semana. As condições de Saneamento, são péssimas. O esgoto é a céu aberto, sem canalização ou tratamento.

Gostaria de lembrar aos leitores, que estou escrevendo sobre uma cidade, aonde a  mandante no Estado é a Roseana Sarney. E a família está Acampada no Palácio dos Leões a pouco mais de 30 anos, não estou escrevendo, de nenhuma cidade da Índia ou de o diabo que os parta.
Maria Aneila Silva, é cozinheira do Prefeito, Manoel Edivan ( PMN ), mora em uma casa de taipa, com a filha. O seu banheiro é um quadradinho cercado de


palha de babaçu no quintal,  o seu vaso sanitário é um buraco na terra. Não tem chuveiro, quem tem energia eletrica, é por que fez "gato" puxado dos postes. Poucas casas, tem filtro para água. Pega-se a água na caneca ou na cuia, direto da mangueira.
- A situação é essa, agente fica pelejando para melhorar, mas não é fácil, disse ela.

O dono do Pau de Arara, pode ser considerado um empresário, gastou 100 mil para ter o seu caminhão. Tem mais ou manos 30 anos e, desde os 18 trabalha no pau de arara. Antes era cobrador. Todo dia cobre 110 km, em 07 horas, se houvesse estradas normalizada, faria o percurso em 03 hs. Josafá Alves, um dos mais antigos moradores da cidade, diz que já foi pior. E cita, que antes para socorrer um morador doente, era preciso caminhar durante

10 hs, com ele na rede, até a beira do rio mais próximo., isso recentemente nos anos 80 e 90. Quem estava no poder ? Mamando nas têtas do Estado ? Hoje há duas ambulâncias, mas uma está quebrada.
Na cidade só existe um colégio, a Unidade Escolar Teixeira Santos. Devido o difícil acesso às vezes a


merenda escolar não chega. São 500 alunos, nos 03 turnos. A cidade foi emancipada em 1994, as ruas tem diversos nomes de políticos. Esta cidade está esquecida pelo poder publico, menos nesta época de eleição. ela possui 6.500 eleitores, no dia 03 de Outubro devem aparecer paus de arara, para buscá-los, apenas para a ida, vota. A volta para casa, fica por conta de Deus.
ROSEANA SARNEY - outra vez expõe a miséria, a


pobreza, a fome, a necessidade, em páginas de jornais, aqui no Sul do País. Ela voa pelo Estado em um helicóptero, sabe-se lá de quem, veste-se como se fosse estrela hollywudiana, berra, grita, bate o pé, quebra os cinzeiros, com os seus apaniguados, enquanto às moscas e a fome, desfinha os lares dos pobres mortais maranhenses.

 A mim pouco importa que na Casa Grande, ela queime ou salgue carne moída com quiabo, ou deixe enssosso o arroz de cuxá,

 ou que vare as madrugadas no carteado. Interessa a nós maranhenses de sustentamos essa joldra:

Respeito, Trabalho, Honestidade e Dignidade.
Então entendemos como é o modo de governar da Roseana Sarney.
Das 10 piores Escolas Publicas do Brasil, 03 estão no Maranhão. Aonde ela é Governadora. Uma delas na Capital do Estado. Isso quem afirma é o ENEM. Os dados estão disponivéis para quem quiser ver e ler, nos anais do MEC.


Dos 10 piores minicipios do Brasil, 04 estão no Maranhão. São eles: São Félix de Balsas ( 5.559 - nota 0,3669 ), Aragunã ( 5.560 - nota 0,3636 ) Jenipapo dos Vieiras ( 5.561 - nota 0,3588 ) e a Marajá do Sena, a última colocada, o pior municipio para a sobrevivencia humana no Brasil. Eis a colocação e nota da cidade. ( 5.564 - nota 0,3394 )
Esta desgraça é no Maranhão da  vaidosa Roseana

Sarney. Estes dados são do  IFDM ( Índice Firjan de Desenvolvimento Municipal ), este calcula o bem estar das cidades baseado em 03 indicadores ( Emprego e Renda, Educação e Saúde ) Os técnicos fazem esses calculam apartir de informações, sabem de quem ?

- Do próprio governo.
Eleger Roseana Sarney, é patrocinar o atraso, a fome, a miséria e a corrupção no nosso Maranhão. O Maranhão é meu, é teu, é de todos nós que


pagamos impostos exagerados, para sustentar esse ralo que não cansa de vazar


............escreveu    José Maria Souza Costa





--


      

segunda-feira, 27 de setembro de 2010

FOLHA CORRIDA OU PRONTUÁRIO




Meus leitores amados.............

Um dia a Sociedade Civil, entendeu que deveria reunir-se em assinaturas e moldar um Projeto de Lei. Recolheu-se mais de Um Milhão de assinaturas, e ao lado dessas o número do registro geral ( RG ), de cada um cidadão que assinara.
Deram-lhe o nome de projeto Ficha Limpa.
A finalidade é, extirpar da vida pública, aqueles que em vez de prestar serviços, estão a rapinar o érario de todos nós brasileiros e brasileiras, trabalhadoras e trabalhadores. Até por que sabe-se que esse pessoal não possui Curriculum, e sim ou Folha Corrida ou Prontuário, e ainda que alguns queira exibi-lo, estes resume-se à Barra da Saia da Viúva.

Ao chegar no Congresso Nacional, o chamado Projeto Ficha Limpa, sofre o seu Primeiro ato de Atentado ao Pudor. Alguns deputados colocam as suas digitais e mudam o " tempo" do Verbo. A coisa ficou mais ou menos assim. Aqueles que seriam punidos agora, já. Foram todos perdoados, e só cairia na malha do Ficha Limpa, os próximos pecadores.
A verdade verdadeira, o que falta ao nosso povo é conhecimento, clareza, cidadania, responsabilidade, e não confundir responsabilidade com galhofa.
É um descalabro e triste para nós, imaginarmos que precisamos de uma Lei, para distinguirmos entre, quem tem qualificação eleitoral, para os delinquentes do Èrario Publico.
No Brasil, já existem Leis demais, decretos demais, medidas provisórias exageradas demais, incisos demais, simplesmente estes são degolados em seu nascedouro, com a alienência de quem as tem que proteger, de fiscalizar e fazer-se valer ou por em prática.
Qualquer um cidadão que não desembarque de Marte neste momento, sabe QUE:

PARTE I - Joaquim Roriz, não pode ser comparado com  São Francisco de Assis. Enquanto este abdicou das suas riquezas, seus bens naturais. Roriz é um: grileiro, loteador de cargos públicos, invasor, corrupto. Este senhor elegeu-se para o Senado Federal, e fugiu, renunciou. Por que ? Por que deixara suas digitais em "saliências", feitas em coluio com Nenê Constantino, empresário do ramo de Aviação ( leia-se GOL ) onde envolvia lavagem de dinheiro, que fora traduzido como "negócio da

bezerra". Pego com as digitais exposta, Roriz comportou-se como um felino, renunciou e saiu-se leve, lépido e sorridente. Neste momento este senhor dá um "xeque mate", no Supremo Tribunal Federal, por temor de tornar-se inelegível por  08(oito) anos, renuncia outra vez a candidatura ao Governo do Distrito Federal, e lança a sua esposa.
Pronto, está instituído o voto Bumerangue.

PARTE II - Pode-se confundir, o carácter da Roseana Sarney, com o da Madre Teresa de Calcutá ? Enquanto Madre Tereza, notabilizou-se pela solidariedade, por ajudar os mais pobres, mendigos, por recolher os farrapos humanos das ruas, vielas e favelas, a Rosena Sarney, é a Governadora do Estado do Maranhão. Gestora de um dos Estados que apresenta os piores índice de desenvolvimento da

Federação. Esta moça, é herdeira de uma oligarquia, que representa o que há de mais atrasado, de mais rancoroso, de mais vingativo, de mais corrupto e aliciador, o que há de mais tosco, sobre este solo da Pátria Mãe gentil. Esta,

representa o sumo do subdesenvolvido. Enquanto Madre Tereza, é exibida como uma Santa, Rosena Sarney, é pilhada pela Polícia Federal, com montanhas de dinheiro vivo, em seu escritório na cidade de São Luís. É o caso Lunus, conhecido em verso e versado no Brasil inteiro.Na época, o Capo do clã, afirmara que aquilo era "saliência" do José Serra, hoje candidato a Presidência pelo PSDB. Desde então, o Capo do clã, anda de mãos dadas com o TORNEIRO MECÂNICO, cada um fazendo cosségas no bigode um do outro. Vale recordar que naquele ano a

Roseana Sarney, estava sonhando em ser Candidata também à Presidente da Republica Federativa do Brasil, era quadro do Partido da Frente Liberal ( PFL ), que é uma ex-Arena, onde escondia-se todos aqueles ditadores, que jogaram o País na mais negra página da sua História.Recentemente o jornal O Estado de São Paulo, a denunciou, que a Governadora, fingiu um emprestimo no Exterior de  $ 4 Milhões de dólares, mas na verdade o que ela estava fazendo era, sacando $ 1.5 Milhão , ou seja,


para quem sabe ler e escrever, isso tem nome e sobre nome: " LAVAGEM DE DINHEIRO" Aonde dormes tu, ó Ministério Público ?  Rosena Sarney, é a representação viva da:.... mentira, da torquez, do relapso, do autoritarismo, da falta de Saneamento básico, da falta de médicos, da falta de estradas, da falta de pontes, da  falta de água potável nas torneiras dos lares Maranhenses, da falta de democracia, da falta do pensamento plural, da falta do contraditório, dos salários atrasados dos professores, do descontentamento generalizado das pessoas de bem, que trabalham e pagam impostos pesadíssimos, para sustentar essa patuléia.

O que esperar ? Como se ter esperança ?  Como desenhar o amanhã ? Como imaginar seguir em frente ? Repito o que tenho escrito, sempre. Agora, a locomotiva não é mais puxada pelo "rabo" do jegue. Precisamos avançar. O ENEM, de 2009, mostra que das 10 piores Escolas Publicas do Brasil 03 estão no Estado do Maranhão, e uma delas em São Luis a Capital do Estado .Agora o IFRJAN ( índice firjan de desemvolvimento Municipal) mostra que dos 10 piores municipios do Brasil, 04 cidades são do Maranhão. São elas: São Félix de Balsas, Aragunã, Jenipapo dos Vieiras, e a última colocada de todos os municipios brasileiros a Cidade de Marajá do Sena, que ficou com a colocação 5.564 e ganhou a nota 0,3394. O técnico do IFRJAN, calculam o IFDM, dos municípios apartir de informações oficiais do governo, e leva em consideração: Emprego e Renda, Saúde e Educação.
Será que a Roseana Sarney, não fica vermelha ? Eu sei que politico não ler jornais, causa naúseas, mas algum assessor, um pau mandado qualquer, um apaniguado qualquer, alguém da patuléia, deveria avisar-lhe que essas notas saem aqui no Sul do País, e envergonha todos nós.Por favor, alguém cochixe isso no ouvido da Governadora. Não diga apenas baboseiras que agrade-lhes o "ego".

PARTE III - Dá para alguém de bom senso, confundir Nossa Senhora de Nazaré, com Jáder Barbalho ?  Este, para afanar o érario publico inventou umranário. Estuprou e quebrou a SUDENE.

Um dia ousou ser Presidente do Senado Federal, trombou com Antonio Carlos Magalhães ( o ACM ), que também estuprou o Painel do Senado Federal, para bisbilhotar os votos de seus pares em especial o da ex-Senadora da Republica, a Alagoana Heloísa Helena, então do Partido dos Trabalhadores, hoje no PSOL ( Partido da Solidariedade), quando da cassação do Luís Estevão, Senador pelo Distrito Federal. Perceberam todos, como não existe anjos, entre eles ?

PARTE IV - Será que o povo não percebe que existe diferenças, entre Paulo Salim Maluf, e São Benedito ?
Quantos processos por corrupção, tem este senhor ? É acusado de tudo. Passou um período encanado, na Polícia Federal  ao lado do filho ( Flávio Maluf ). É acusado de evasão de divisas, de superfaturar obras, enfim Paulo Maluf, hoje não pode ir ao Paraguai, que a INTERPOL, lhes abraça com as suas algemas. Todos os identifica, por mentir com facilidades.

Pode, as pessoas no Piauí, confundir São Raimundo Nonato Nonascido, com Heráclito Fortes ? Que pendura a sua candidatura ao Senado, por uma papeleta do Supremo Tribunal Federal ? Um verdadeiro Folha Corrida. Acusado e condenado por abuso de poder economico ?
E assim são vários. Creio que, se tivéssemos sentimentos de cidadania aguçado, não precisaríamos de Lei, para extirpar da vida pública, essa patuleia politica. Bastaria o  nosso voto.
Mas, quanto mais necessitado, mais arredio é o nosso povo. E, não nos empenhamos muito em cobrar, e eles nos esmagam, apostando em nosso medo, e em nossa desorganização Civil.

Oremos todos...escreveu  José Maria Souza Costa.


domingo, 26 de setembro de 2010

PAULISTA


PAULISTA

* poema extraído do livro ESSÊNCIA DAS COISAS

de: José Maria Souza Costa.

Meia luz, meu olhar, meu vício, meu fascínio!
As balas que as crianças mordem
Ardem nas vistas, fitas, pistas,
E faz silenciar em poucos, as canções, a ordem.
Pelas vistas, filas, vilas ou favelas

Nos paredões do Masp, Trianons, Parques,
Brotos  cospem chicletes,
"Minas", viram tietes

Sonhando com  novelas,
E todo o olhar é predador, discreto, neles.
Botas, meias, coturnos, pés descalços, sobre a grama

A cada esquina da Paulista
Um tese, olhar de medo, na grana.
Tudo acontece sob o Masp:
De um olhar,
a piscadela de garotos de programa.

De uma festa:
Ao convite pra deitar em sua cama.
De um corpo nu:

A uma bota sem fivela.
De um nome próprio:
A um apelido de pivete.
Tudo acontece na Paulista:

 O beijo, o selo, o olhar, o medo
A mística, a forma artística,
As bandeiras das torcidas,

O porre, a cara, a tara, a garra,
E as porradas da polícia.

Nas Paulista.