Seguidores

Translate

segunda-feira, 11 de outubro de 2010

CRIANÇAS QUE CHORAM



Meus leitores...........

A solidariedade humana, requer espírito infantil.
Amanhã dia 12 de Outubro, dentre outras coisas comemoramos" o dia da criança".
Não sei, se temos mesmo muitas coisas a comemorar, ou teríamos que fazer mesmo, era uma; digamos assim prestação de contas, com esses povos miúdos, que singularmente tem o seu mundo atrelado às fantasias e doçuras multi cores, que orla esse mundo de inocência e sem maldade.
Neste momento eu vos convido a uma pequena reflexão:

1 - Quando falamos em Crianças; será que recordamos daquelas dezenas de centenas, que estão largadas, abandonadas, espalhadas, rejeitadas, desamparadas, e perambulando famintas pelas praças, avenidas, e longadouros, das grandes Metrópoles Brasileiras ?

2 - Quando falamos em Crianças; será que lembramos daquelas que não tem Escolas e Médicos, e ainda são torturadas, e são lhes roubadas, a dignidade ?
3 - Será que lembramos daquelas, que são diariamente fuziladas pelos " morangos amargos" dos deuses do tráfico ?

4 - Será que lembramos daquelas, que hoje estão na dependência química, e são constantemente abraçados pelas metralhadoras, pelas baionetas, e beijam o asfalto umidecido de sangue abraçados a seus fuzis ?

5 - Quando falamos de Crianças; serás que lembramos daquelas cujas mães, as expõe em fotos e cartazes, pendurados no pescoço, nas Escadaria

da Praça da Sé, no centro da Cidade de São Paulo, e se diluem em dores lacrimejantes, por que os filhotes foram extirpados, arrancados  do seio familiar, e desfilam pelos silêncio dos calabouços, sem voltar jamais ?
Esses meninos e meninas maltrapilhos, perambulantes, com os pés sujos e descalços, famintas e fedentinas, quase sempre descabelados e piolhentos, de olhar assustado como fosse um felino acuado, elas também teem sonhos, e imploram pela VIDA.
Por trás desses corpos infantis, que mais parece farrapos humanos, entre mil coisas existe uma certeza:

- Existe um Estado ausente, omisso, que não se manifesta, não mostra a sua cara, e nem expõe as digitais. Um Estado negligente, conivente com o estado de miséria dessa gente miúda, que rima e versa, o Direito da Criança e do Adolescente, mas que viola com a omissão, o mundo mágico e fantasioso, daqueles que nascem com a candura dos "risos", e implora ajuda e acolhimento, mas carregará eternamente as marcas do preconceito e do abandono.
Será que lembraremos amanhã, das crianças, que estão na situação acima descrita ?

- Ou não esquecemos mesmo, são das nossas que estão envoltas em aquecidos "edredons", abraçados a seus sorvetes de sabores mil e caramelos coloridos , esperando os brinquedos multi

funcionais, e o beijo na boca inconfundível  do papai e da mamãe ?
DESPERTAI BRASIL, POR QUE AINDA HÁ TEMPO DE SALVAR, AS CRIANÇAS EM SITUAÇÃO DE RUA.

escreveu José Maria Souza Costa


10 comentários:

Joni Rocha: disse...

Belíssimo texto para reflexão no ano inteiro!

Anônimo disse...

Grande verdade meu amigo, muitas vezes esquecemos que essas crianças abandonadas ou esquecidas nos orfanatos Brasil afora precisa de algo bem simples, cuidados...
No passado havia a roda dos enjeitados, hoje quando não se quer uma criança se joga na lata do lixo, uma vergonha...
É hora de se discutir seriamente a questão do aborto, é melhor fazer-lo que abarrotarmos os orfanatos com crianças ou ver-las perambular drogadas pelas ruas..
É hora do Brasil acordar e pensar em seu futuro, ou melhor que futuro quer ter...

De tudo um pouco disse...

triste isso...lembrar das minhas crianças envoltas em "edredons macios" e esquecer das outras..ou então lembrar quando um texto tão verdadeiro faz recordar de todas as outras criaturas miúdas...

que pena...

obrigado pela visita...volte sempre...


Loisane

OTILIA LINS disse...

EU NÃO SÓ ME LEMBRO DESSAS CRIANÇAS A QUAL O SENHOR CITOU MAS DAS CRIANÇAS QUE ESTÃO NA AFRICA...NOS CAMPOS DE REFUGIADOS NA ETIÓPIA EM TODOS OS CANTOS DO MUNDO...LEMBRO DE TODAS QUE JA SOFRERAM NESSE MUNDO ..NOS CAMPOS DE CONCENTRAÇÃO NA 2 GUERRA ...DE TODOS OS SOFRIMENTO QUE NÃO ESTÃO LONGE DOS NOSSOS OLHOS NÃO...ESTÃO MUITO PERTO...LEMBRO DAS QUE ESTUDÃO NA ESCOLA PUBLICA EM QUE EU TRABLHO E SEI QUE VÃO LA SOMENTE PARA ALMOÇAR ..OU LACHAR,...DE MUITAS QUE AO CHEGAR EM CASA SE DEPARAM NUM AMBIENTE DE GUERRA ENTRE PAIS VICIADOS ALCOLIZADOS E MÃES CARENTES DE TUDO...LEMBRO DE TUDO ISSO ..NO FIO ANTES DE DORMIR PEÇO A DEUS QUE ACABE COM O FRIO NÃO POR QUE EU NÃO GOSTO MAS POIS SEI QUE MUITOS A MAIORIA NÃO TEM UMA CASA COMO EU MEUS FILHOS TEMOS E OS COBERTORES QUENTES E MAIS QUE ISSO O AMOR DA FAMILIA PRA AQUECER ....LEMBRO DE TUDO ISSO E DE VERDADE ME DÓI ..E MUITO ..MAS SEI QUE O QUE EU POSSO FAZER É IR REMEDIANDO COM QUEM ESTA MAIS PROXIMO QUE EU E SEI QUE FAÇO TENHO MEU CORAÇÃO TRANQUILO QUE FAÇO SEMPRE QUE POSSO POR ESSAS CRIANÇAS...NÃO PRECISANDO CITAR AQUI ..O QUE MAS SEI QUE FAÇO...POR HORA SÓ POSSO ISSO POIS NÃO TENHO PODER DE MUDAR A VIDA DE MAIS...MAS SEI QUE UM DIA NÃO SEI QUEM NEM COMO VAI HAVER UM DIA QUE ESSE SOFRIMENTO DESSES MENINOS SEM MÃE SEM PAI SEM LAR...VÃO SER ABENÇOADOS E VÃO FICAR BEM ..POR ENQUANTO SO ME RESTA PEDIR E ME SENBILIZAR AJUDANDO E JAMAIS ..JAMAIS ME ACOSTUMANDO COM A SITUAÇÃO...SEMPRE LUTANDO CONTRA ACHANDO UM JEITO DE AMENIZAR..
OTILIA LINS

BLOG DA M,AILA MENDES disse...

Não estou surpresa com o texto, por que tive o prazer de cursar LETRAS,com José Maria. Certa vez a professora de Sociologia disse, em um dia que ele faltou. Sem a presença do José Maria, a Sala fica em silêncio e, a minha aula, fica mais pobre e perde o sentido.No dia seguinte que ele apareceu foi ovacionado.Muito oportuno este texto, por que muitos certamenete não recorda, das crianças famitas, de correm o Brasil inteiro.
Parabéns.

Celly disse...

Olá José Maria, boa noite!!!

Estive olhando uma mátéria referente a política de paço do lumiar e achei muito interessante, trata-se da indignação da juventude do Paço. Envio a você um link para apreciação, caso queira postar ou fazer alguma referencia a juventude de paço do lumiar agradece.

http://juventudeluminense.blogspot.com/2010/10/o-grito-da-juventude.html

Carla Farinazzi disse...

José Maria

Você escreveu (e escreve sempre) um texto lindíssimo, repleto de consciência e lucidez.

Eu o admiro. Por me fazer, nesse momento, lembrar desses pequenos que tanto sofrem. Queria poder trazer todos eles ao meu abraço. Acolhê-los e cuidá-los, todos eles, todos os dias.
Porque criança sofrer é algo que não deveria existir jamais.

Beijo

Carla

blogdoGimma disse...

Um texto chamando para reflexão...

Zilda Santiago disse...

Uma bela blogada!!!!Precisamos mesmo salvar nossas crianças!Parabéns pelo texto e obrigada pela visita ao meu blog.

Anônimo disse...

naložbeno zavarovanje [url=http://www.vzajemniskladi.info]raiffeisen skladi[/url]